San Salvador

San Salvador, a capital do farol das Américas


El Salvador está localizado no meio do continente americano e possui oficialmente 177 vulcões, embora alguns estudiosos considerem mais de 700. 26 deles estão em constante atividade que acabaram por dar o título de Farol das Américas ao país. A partir da capital San Salvador, qualquer roteiro vai passar por alguns deles em pouco tempo. Afinal, as distâncias máximas chegam a 200 quilômetros e ali mesmo tem o vulcão San Salvador.

Mas San Salvador também tem seus atrativos gastronômicos, culturais e históricos, além de boa estrutura em receber do mochileiro econômico ao turista mais sofisticado. Eu usei a cidade como base para explorar o país durante quatro noites e um dia inteiro foi dedicado à capital.

O que fazer em San Salvador

Siga @blogterritorios no InstagramSiga no Instagram
Plaza Libertad
Plaza Libertad

Pontos turísticos culturais e históricos

O ponto de partida indicado para conhecer San Salvador é a Plaza la Libertad e os prédios ao redor como a Catedral Metropolitana, o Palácio Nacional e a Igreja El Rosario. Arquitetonicamente não é tão histórico assim porque as construções são bem recentes (terremotos acabaram com o antigo), mas o lugar tem 400 anos de história e é possível observar a rotina dos moradores.

Interior da igreja El Rosario
Interior da igreja El Rosario
Igreja del Rosario
Igreja El Rosario

O prédio mais curioso é a cinza e sem graça Igreja El Rosario. Pela aparência exterior nem dá pra imaginar como a igreja é bonita por dentro. Uma construção modernista dos anos 60 mistura ferro, vidro e cimento para contar as passagens da bíblia de um jeito inovador, em uma época conservadora de El Salvador.

Perto do centro fica o Monumento al Divino Salvador del Mundo. O símbolo mais importante da cidade foi construído em 1942 em honra aos seu patrono Jesus Cristo. É visto de longe e fica na praça Salvador do Mundo.

Monumento al Divino Salvador del Mundo
Monumento al Divino Salvador del Mundo

A gastronomia

A culinária salvadorenha me surpreendeu com seu feijão de gosto forte, frutos do mar, abacate e plátano. Ingredientes conhecidos que eu adoro são muito bem preparados pelos cozinheiros locais. Sem falar na tradicional pupusa, uma torta compacta feita de milho e muito bem recheada. Os sabores são diversos como queijo, feijão, loroco (flor local e saborosa) e há pupuserias em cada esquina com preços populares.

Frutos do mar e muito milho
Frutos do mar e muito milho

Onde comer: La Hola Beto’s é famoso e movimentado, com um cardápio bem variado que torna difícil a escolha. Em grupo vale pedir um pouco de cada e compartilhar com todos. Frutos do mar e ceviches são a especialidade. O endereço é 85 Ave. Norte Pasaje Dordellhy No. 4407.

Parque El Boquerón
Vista no Parque El Boquerón

Atrações turísticas naturais

O Parque El Boquerón fica dentro da cratera do vulcão San Salvador a uma altura de 1890 metros. O parque oferece diversas trilhas de diferentes níveis para observar aves, fauna e flora. Logo na entrada está o Centro de Interpretação que conta a história das erupções do vulcão, sendo a última em 1917. Dos mirantes é possível visualizar os vulcões Izalco, Santa Ana, Chinchontepec, o lago Ilopango e ter noção do tamanho da capital.

Na estrada que leva ao Parque El Boquerón, o guia nos apresentou em um pequeno cemitério com uma bela vista. A paisagem é semelhante aos mirantes do parque, mas fica inusitada com as cruzes enfeitadas nas sepulturas.

Visto do cemitério
Visto do cemitério

Mapa de San Salvador

Palácio Nacional
Palácio Nacional
Trilhas no Parque El Boquerón
Trilhas no Parque El Boquerón
O nosso grupo
O nosso grupo

 

 

Tome Nota San Salvador

Hotel em San Salvador: SAL & LUZ é o hotel boutique onde passei meus dias com muito estilo na capital. São apenas sete suítes, cada uma com decoração mais linda que a outra. Veja mais opções neste artigo.

RESERVE AQUI | COMPARE VALORES NOS SITES DE BUSCA

Receptivo local: o roteiro em San Salvador foi organizado pela Salvadorean Tours e muito bem guiado por Eduardo. Ele fala em inglês ou espanhol e sabe bastante sobre história e cultura.

Como chegar: San Salvador é a porta de entrada no país devido ao Aeroporto Internacional Llopango, um dos mais importantes da América Central. Ainda não tem voos direto do Brasil, mas um voo diário da Avianca faz conexão em Lima partindo de São Paulo. Ao chegar, o melhor é ter contratado um traslado porque o aeroporto fica distante 40 km do centro e não tem transporte público.

E uma dica para quem esta viajando para outros destinos e se interessou por San Salvador é o Stopover. Se o voo faz escala no país, pode aproveitar até 48 horas sem pagar taxas de entrada ou valor a mais pela passagem. As operadoras de turismo locais tem pacotes prontos para quem opta por esta opção e Avianca permite stopover.

Esta viagem foi um convite da Câmera de Comércio de El Salvador e Avianca.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 13 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.