fbpx
Ravenna

Ravenna, a cidade dos mosaicos


A arte do mosaico sempre chamou minha atenção pelo fato de ter dois pontos de vista (longe e perto), além de ser bela e intrigante. Quando admiro uma obra assim, fico pensando no trabalho que deu para fazer e o que serviu de inspiração para o autor alcançar aquele resultado, afinal tudo começa com pequenas peças se encaixando em harmonia. Por isso, não houve dúvidas em colocar Ravenna no roteiro quando descobri que a pequena cidade italiana levava este título. Mas esta é apenas uma das riquezas, o seu grande legado é a importância histórica e cultural para a humanidade.

O texto continua após os serviços recomendados no destino.

Leia todos os textos sobre a Itália

AGILIZE SUA VIAGEM
Seguro viagem é obrigatório na Europa: saiba como comprar online

Saia do Brasil conectado com o chip de celular da EasySim4U

Itália é incrível para viajar de carro. Saiba o que precisa para alugar um no exterior

Agende tours, transfers e ingressos agora ou saiba como funciona

Compra bilhete de trem na Itália
Mausoleo de Galla Placidia
Mausoleo de Galla Placidia

Ravenna, a cidade dos mosaicos

Detalhe do mosaico no Mausoleo
Detalhe do mosaico no Mausoleo

Ravenna simplesmente foi o cenário do fim do Império Romano no Ocidente (476) com a deposição de Romulo Augusto, o que determinou o início da Idade Média; já foi capital do Reino da Itália; sede do governo Bizantino; abriga os restos mortais de Dante Alighieri e foi onde ele escreveu a Divina Comédia (pelo menos a parte do Paraíso), tem oito construções dos séculos V e VI consideradas Patrimônio Mundial da Unesco e é palco de inúmeros eventos culturais e artísticos até hoje.

Detalhe na Basilica di San Vitale
Detalhe na Basilica di San Vitale
Ruas de Ravenna
Ruas de Ravenna

O passeio de um dia aconteceu num domingo ensolarado para fechar com chave de ouro meu último dia no BlogVille, ação com blogueiros para promover o turismo na Emilia Romagna. Cheguei empolgada atrás dos mosaicos e encontrei uma cidade agradável de caminhar e se perder. Lojas, restaurantes e cafés descolados dividem o espaço com a arquitetura antiga e a arte se vê nos detalhes como sinalização de ruas e cartazes de exposições. Em outubro acontecia A Festa Internacional do Mosaico Contemporâneo e dias antes teve A Semana Dantesca, celebrando a obra de Dante.

Sinalização nas ruas
Sinalização nas ruas

As obras famosas ficam dentro de museus e grandes construções de tijolo que parecem simples por fora e surpreendem logo que cruzamos a porta de entrada. A arte cristã e bizantina, preservada em forma de mosaico, faz brilhar os olhos mesmo dos menos interessados no assunto.

Fachada da Basilica di San Vitale
Fachada da Basilica di San Vitale

Chegando pela manhã dá tempo de visitar tudo com calma e ainda curtir a cidade. Comece passando pelo Centro de Informações ao Turista para pegar o mapa e trace o roteiro conforme o seu interesse. Visitei seis das oito construções tombadas pela Unesco, museus, praças e igrejas.

Igreja Santa Maria in Porto
Igreja Santa Maria in Porto

O que ver em Ravenna

Uma lista do que visitei e gostei. Pesquisando a agenda local dá para encontrar mais eventos interessantes. Sobre as construções, não sei dizer qual é a melhor, todas valem a pena, a começar pelas tombadas pela UNESCO:

Cúpula da Basilica di San Vitale
Cúpula da Basilica di San Vitale

BASILICA DI SAN VITALE

É um dos monumentos de arte cristã antiga mais importantes da Itália. Entre olhando para cima, mas não esqueça do chão e das paredes.

O teto do Mausoleo
O teto do Mausoleo
O teto do Battistero
O teto do Battistero

MAUSOLEO DI GALLA PLACIDIA

A tumba de uma mulher importante no século V, foi filha, irmã, esposa e mãe de imperadores romanos. Por isso tanta ostentação no teto que representa um céu cheio de estrelas. Talvez seja o mais impressionante da coleção de mosaicos na cidade.

BATTISTERO DEGLI ARIANI

É o mais simples com apenas um círculo de mosaico na cúpula representando os 12 apóstolos e Jesus. Também era um dos locais da Festa Internacional do Mosaico Contemporâneo com esculturas modernas representando rostos.

Mármore e pedras no Battistero Neoniano
Mármore e pedras no Battistero Neoniano
Cappella di S.Andrea e Battistero Neoniano
Cappella di S.Andrea e Battistero Neoniano

BATTISTERO NEONIANO (ou Ortodoxo)

É o monumento mais antigo de Ravenna, data do final do século IV e foi inspirado nas tradições gregas.

CAPPELLA DI SANTO ANDREA

Era uma pequena capela privada dos Ostrogodos, o destaque são os 99 pássaros celebrando Cristo nas paredes.

BASILICA DI SANTO APOLLINARE NUOVO

Exemplo mais típico do estilo bizantino, foi construída pelo rei dos Ostrogodos Theodoric o Grande. Exibe o mosaico com a maior superfície já deixada pelos antigos.

Movimento na Tumba de Dante
Movimento na Tumba de Dante
Basilica de San Francesco
Basilica de San Francesco

MUSEU DANTESCO E TUMBA DE DANTE

A tumba é pequena e sempre um entra e sai de gente. O museu ao lado é mais tranquilo conforme o evento. Era outro local da Festa Internacional do Mosaico Contemporâneo.

BASILICA DI SAN FRANCESCO

A fundação data do ano 450 e a aparência atual vem do século V quando o ocorreu o funeral de Dante Alighieri. O destaque é para cripta do século X, ali está o sarcófago de Neone, bispo de Ravenna que mandou construir a igreja lá em 450. Localizado no pavimento mais baixo é invadido pela água por estar no nível do mar. A água sobre o mosaico no piso dá um toque especial ao lugar. Tem que descer as escadas e ver pela janelinha.

Arte moderna no MAR
Arte moderna no MAR

MAR – MUSEU MUNICIPAL DE ARTE

Interessante conforme a exposição e agradável caminhar nos pátios internos. Abrigava parte da Festa Internacional do Mosaico Contemporâneo e outras de artistas locais.

Porta Nuova
Porta Nuova

PORTA NUOVA

Esta não estava nos planos, quando voltava para a estação de trem os raios de sol batiam nela e fizeram eu desviar o caminho para tirar esta foto.

Floreira na rua
Floreira na rua

Em Ravenna também tive uma nova experiência utilizando banheiros públicos, localizei pelo mapa o mais próximo e cheguei numa casinha de metal completamente fechada com painel explicando como utilizar. Coloquei a moeda e a porta abriu, entrei, a luz acendeu quando fechei a porta e percebi que estava tudo limpo e ainda molhado como se tivessem acabado de limpar. Então fui abrir pra falar a impressão ao meu amigo, mas a porta não abria! Segundos de pânico até ver outro painel de instruções dizendo que deveria apertar tal botão ao finalizar o uso. Relaxei, mas continuei achando tudo meio estranho, na verdade, era tecnológico demais. O papel e sabonete ficam guardados em compartimentos fechados para não molharem, porque quando aperta o botão para sair e fecha a porta, uma revolução acontece lá dentro, só ouvi os barulhos de jatos, mas certo que a limpeza é profunda e automatizada. Gostei.

Pátio do Museu Dantesco
Pátio do Museu Dantesco

 
Garibaldi, herói da Revolução Farroupilha, também é famoso por lá
Garibaldi, herói da Revolução Farroupilha, também é famoso por lá

Mais fotos de Ravenna:

Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna Ravenna

 

Tome Nota

Como chegar a Ravenna: a partir de Bologna, são 45 minutos de trem. A estação fica poucos minutos de caminhada das principais atrações e ainda tem o Jardim Público pertinho pra relaxar enquanto espera o horário de voltar.

MAUSOLEO DI TEODORICO e BASILICA DI SANTO APOLLINARE IN CLASSE foram as duas atrações não visitadas por estarem fora da cidade, mas pelo o que ouvi, é bastante recomendado para quem está de carro, bicicleta ou vespa. A primeira custa 4 euros e a segunda 5 euros para entrar.

Praticamente todas as atrações tem o mesmo horário de abertura entre 10h e 17h no inverno, outono e primavera e até 19h no verão. O MAR fecha na hora do almoço e tem horários diferentes para cada dia. Consulte exposições e horários no site.

Comprei o ingresso para entrar nas cinco construções da lista da Unesco na loja perto da Basílica de San Vitale por 9.50 euros. O Battistero degli Ariani é de graça.

A SEMANA DANTESCA começa sempre no segundo domingo de setembro. 

Ingressos
Ingressos

Fotos de Roberta Martins e Leandro Gabrieli.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 13 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.