Foto da Semana #202 Arte rupestre

Foto da Semana #202 Arte rupestre

Imagem clicada hoje de algo que eu nem sabia existir e ser tão bem preservado no Atacama. Arte rupestre de 1000 a 7000 mil anos expostas em um museu à céu aberto, ou melhor, um cânion a 3450 metros de altura onde incas, atacameños, espanhóis e outros povos deixaram a sua história. Alexandro, o guia do Hotel Awasi, foi explicando a diferença entre os desenhos durante a trilha de três quilômetros por dentro da Quebrada de Quezada. Um passeio com belos cenários, muito história e poucos turistas.

Arte Rupestre

Siga @blogterritorios no InstagramSiga no Instagram
Paz tira fotos das pinturas nas paredes do cânion Quebrada de Quezada, povoado de Talabre, Atacama - Chile
Paz tira fotos das pinturas nas paredes do cânion Quebrada de Quezada, povoado de Talabre, Atacama – Chile

Por enquanto, acompanhe a nossa viagem pelas redes sociais do Territórios ou hashtag #JustFunChile. Até 17 de junho vamos circular pelo Atacama, Salar Uyuni, Santiago e Santa Cruz.

  • QUEM LEVA PARA VER ARTE RUPESTRE

AWASI é um hotel exclusivo e discreto dentro de San Pedro de Atacama. Segue o conceito Relais & Chateaux de se sentir em casa nos pequenos e grandes detalhes como cada suíte ter seu carro com motorista à disposição e tours totalmente personalizados.

CONSULTE VALORES  

Conheça os outros tours no Atacama:

Termas de Puritama

Lagunas Escondidas

Salar de Atacama

Lagunas Altiplânicas

Piedras Rojas

Valle de la Luna

Leia todos os artigos sobre o Chile

Saia do Brasil conectado com o chip de celular da EasySim4U

Participe do Foto da Semana! Envie sua imagem pelas redes sociais ou para contato.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 12 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.