fbpx

Foto da Semana #179 Lagartas de Fogo

Foto da Semana #179 Lagartas de Fogo


Com a chegada do calor na primavera, aumenta o número de lagartas de fogo no sul do Brasil. Conhecidas regionalmente como bicho cabeludo ou taturana, lagartas são lindas de fotografar e podem ser perigosíssimas de tocar. A origem do próprio nome taturana vem do Tupi e significa “semelhante ao fogo” por causa da sensação de queimado que causa. Algumas tem espinhos ou veneno que pode até matar se não houver tratamento.

Elas não atacam, geralmente, os acidentes são com crianças curiosas ou pessoas que tocam por descuido em folhas, troncos e galhos sem revisar se estão seguros. Principalmente em trilhas, como encontrei as lagartas-vermelhas no Rio do Boi, dentro do canyon Itaimbezinho. Especificamente estas, assusta só pelo nome científico: Morpho epistrophus sp. da subtribo Morphina. E quando em colônia, a dor piora proporcionalmente conforme entra em contato com a nossa pele.

Eu adoro abraçar árvores e vou pro mato sempre que posso, mas procuro ter o máximo de cuidado onde coloco as mãos. Nunca tive problemas com lagartas, contudo, recordo de ter pego uma tuna na mão por curiosidade quando era criança e lembro muito bem da dor pra tirar os espinhos, imagina misturado com dor de queimado!

Lagartas de Fogo

Lagartas de Fogo
Lagartas-vermelhas no interior do canyon Itaimbezinho, Praia Grande, Santa Catarina – Brasil

Participe do Foto da Semana! Envie sua imagem pelas redes sociais ou para contato.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 13 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.