arambaré

Ecoturismo em Arambaré


Conheci Arambaré como a praia de Camaquã e assim foi por muito tempo até se emancipar e criar identidade própria. Hoje a cidade nas margens da Lagoa dos Patos se aproveita das belezas naturais para atrair turistas, principalmente os adeptos do ecoturismo.

Leia todos os artigos sobre o Rio Grande do Sul

AGILIZE SUA VIAGEM
Veja opções de excursões, ingressos e transfer na Serra Gaúcha

Ecoturismo em Arambaré

A alta temporada acontece no verão quando os três mil habitantes viram quase dez mil. Porém, nada comparado ao agito das praias gaúchas mais populares. Arambaré é pra quem busca tranquilidade, gosta de praticar esportes aquáticos e descansar na sombra de figueiras centenárias. O município abriga a maior figueira do Rio Grande do Sul – a Figueira da Paz.

Siga @blogterritorios no InstagramSiga no Instagram
Figueira da Paz - árvore originária da mata atlântica é encontrada em abundância na volta da Lagoa dos Patos
Figueira da Paz – árvore originária da mata atlântica é encontrada em abundância na volta da Lagoa dos Patos

ENCONTRE POUSADA NESTA PRAIA

Ecoturismo em Arambaré

Arambaré também foi pioneira ao lançar a primeira trilha acessível do Estado e eu estava lá pra registrar o momento. A antiga TRILHA DOS PIQUETES foi preparada com cordas guias, placas em braile e limpeza para receber um grupo de deficientes visuais. A maioria fazendo trilha pela primeira vez na vida. Era visível e contagiante a alegria deles ao sentir texturas e aromas da natureza nativa do Rio Grande do Sul.

Plantas como arumbevas, bromélias, butiazeiros, capororocas e figueiras são encontradas ao redor da Lagoa dos Patos, mas tem desaparecido com o crescimento das cidades da Costa Doce. Incentivos como este ajudam a preservar e acolhem os excluídos. Afinal, trilha é para todos. Se a visão é empecilho, basta um amigo ou guia de turismo especializado acompanharem com cuidado ao caminho e onde tocam as mãozinhas curiosas. Neste sentido, vi voluntários e Rosimere Nunes (guia Rose) fazendo um excelente trabalho.

“Sempre quis fazer, mas nunca ninguém tinha me levado” disse Carla
“Sempre quis fazer, mas nunca ninguém tinha me levado” disse Carla

 

Trilha acessível com cordas e placas em braile é montada por agendamento
Trilha acessível com cordas e placas em braile é montada por agendamento

 

Trilha do Piquetes para deficientes visuais
Trilha do Piquetes para deficientes visuais
  • E de quem foi a ideia
Esta trilha é o resultado do convênio entre a Prefeitura de Arambaré e o SEBRAE em uma ação do Projeto de Turismo na Costa Doce/Náutico. Teve início em 2014 com um diagnóstico do ambiente turístico, quando foi observada a vocação do município para trabalhar o segmento de turismo de natureza em função de sua bela orla lacustre e suas matas de restinga litorâneas ainda preservadas.

A Trilha dos Piquetes é bem fácil por ser plana e ter apenas 800 metros. Mas existem outros caminhos na região e na margem da Lagoa dos Patos para quem exige maiores distâncias. Lembrando que só perdeu o título de maior lagoa do Brasil porque descobriram ser laguna (lagoas não tem foz no mar). Mesmo assim, Laguna dos Patos é a maior laguna do Brasil e ainda existe muito a ser descoberto nas suas margens.

Mata nativa e seus habitantes
Mata nativa e seus habitantes

 

Butiazeiros
Butiazeiros

trilha para deficientes visuais trilha para deficientes visuais

trilha para deficientes visuais Mata nativa em Arambaré Mata nativa em Arambaré Mata nativa em Arambaré Mata nativa em Arambaré

Mata nativa em Arambaré Mata nativa em Arambaré Mata nativa em Arambaré Mata nativa em ArambaréLeia os textos sobre a Costa Doce:

Rio Grande é noiva do mar e foz da Lagoa dos Patos

Passar uma tarde em Itapuã…

Turismo lá onde a BR 101 termina

Charqueadas da Costa Doce

Foto da figueira por EliasTheHorse – Obra do próprio, CC BY-SA 4.0.

Tome Nota

Como fazer a trilha acessível: contate a Confraria do Bem Viver pelo e-mail confrariadobemviver@gmail.com com algumas horas de antecedência para a estrutura acessível ser montada. Este serviço tem um guia preparado para o acompanhamento do deficiente visual e tem um custo.

ROTA CULTURAL é uma das agências de Porto Alegre que oferecem o passeio.

Como chegar:
– A partir de Camaquã, são 35 km pela RS 350.
– A partir de Tapes, são 36 km pela rua Ver. Laudelino Lucena que não tenho certeza se é asfaltada.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 13 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

1 comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Chame via WhatsApp