Hard Rock Café Daytona Beach

Daytona Beach é race, rock e vintage

Os dias em Daytona Beach foram inusitados porque eu não esperava encontrar uma cidade tão nostálgica em relação ao seu passado. Que, ao invés de ficar defasado, evoluiu e se modernizou sem deixar de valorizar seus momentos mais gloriosos. O universo das corridas da metade do século passado agradece. 

Os tempos remotos estão presentes nos letreiros das lojas, na temática de diversas atrações e foram predominantes no meu roteiro de dois dias em Daytona Beach. Embora, existam atrativos contemporâneos para quem visita com mais tempo. Os responsáveis pelo tom mais descolado dos meus últimos dias na Flórida foram a hospedagem no novíssimo Hard Rock Café e o passeio de stand up paddle, excelentes para dar uma quebra no saudosismo.

O que fazer em Daytona Beach

Daytona Beach é Vintage
Daytona Beach é Vintage

Enquanto a maioria dos brasileiros faz bate e volta de Orlando ou passa apenas uma noite, recomendo duas noites ou mais para fazer suas próprias descobertas. Em dois dias visitei três museus, subi no farol mais alto da Flórida, fiz a visita guiada em uma das pistas de corrida mais famosas do mundo, curti os dias de verão ao ar livre e variei bastante entre os restaurantes. Conto a seguir um resumo dos lugares visitados e convido a clicar nos links para se aprofundar nos relatos das experiências.

Jukebox iluminada
Jukebox iluminada

3 museus em Daytona Beach: arte, carros e história

Cici & Hyatt Brown Museum of Art 

O prédio concentra a maior coleção de pinturas sobre a Flórida de todos os tempos. São de artistas locais e quem escolheu o Estado para morar ou passear. Exibe obras lindas mostrando a cultura e história da região com diversidade de estilos. Além de muitas referências facilmente identificadas por quem conhece as cidades ou alguns autores famosos como Ernest Hemingway. Reconheci de longe a história do livro “O Velho e o Mar” em uma sequência de telas e, quando me aproximei para ler a legenda, confirmei de onde veio a inspiração. As obras, que parecem fotografias de tão fiéis aos detalhes, também nos dão ideia de como era a natureza da Flórida antes da urbanização. Incluindo as tempestades e furacões tão assustadores quanto os vídeos vistos pela televisão hoje em dia.

Onde: na 352 S. Nova Road dentro do mesmo parque do Museum of Arts and Sciences.

Museu automobilístico do Daytona International Speedway
Museu automobilístico do Daytona International Speedway

Museu automobilístico do Daytona International Speedway

O museu, dentro da famosa pista de corrida Daytona International Speedway, abriga o Motorsports Hall of Fame of America com os exemplares mais icônicos do automobilismo. Além disso, apresenta formas de esporte a motor como stock car, esportivos, carros de fórmula 1, motocicleta, dragster, motonáutica e aviação. E ainda os recordes de velocidade e informações sobre personalidades relacionadas. Inclusive, a primeira revista especializada sobre o tema tem um corredor com tapete vermelho e jogo de iluminação exibindo as capas e detalhes da vida do seu criador.

Onde: 1801 W International Speedway Boulevard.

Vista do alto do farol mais alto da Flórida
Vista do alto do farol mais alto da Flórida

Ponce de Leon Inlet Light and Museum

Subida em curvas no farol
Subida em curvas no farol

As casas ao redor do farol eram as residências dos funcionários e foram transformadas em museu. Algumas mostram mobiliário preservado e estilo de vida das famílias dos trabalhadores; outras são mais técnicas ao explicar o funcionamento de um farol e as lentes especiais; e outras contam a história da região. A vista depois de subir 203 degraus e chegar perto dos 175 metros de altura, mostra Daytona ao longe e o estuário de New Smyrna Beach.

O farol abre diariamente das 10h às 18h ou até 21h no verão no endereço 4931 S Peninsula Dr, Ponce Inlet. Localizado na divisa com a cidade vizinha New Smyrna Beach.

Para aproveitar os dias de verão ao ar livre

Praia Daytona Beach em frente ao hotel Hard Rock Café
Praia Daytona Beach em frente ao hotel Hard Rock Café

A praia Daytona Beach ou a piscina do hotel Hard Rock Café

Saída da piscina do hotel para a praia
Saída da piscina do hotel para a praia

São 37 quilômetros de praia e mais ainda de água doce cortando a cidade. Isto quer dizer uma série de atividades aquáticas ou bastante espaço para relaxar. Dei uma caminhada na praia em frente ao hotel e optei por ficar na piscina curtindo o som do DJ e o astral animado dos demais hóspedes.

Stand Up Paddle no Halifax River

Como aconteceu em todos os destinos visitados na Flórida, procurei me manter ativa praticando esportes, afinal é muito fácil ganhar quilos a mais com a fartura de comida servida nos Estados Unidos. Foram duas horas remando pelo rio Halifax em busca de golfinhos e peixes-boi, mas eles não deram as caras naquele dia. Aproveitei para ver a cidade por outro ângulo, me exercitar e conversar com alguns locais do mesmo grupo. Todo o trajeto foi guiado e assessorado pelo pessoal da Three Brothers Boards.

Three Brothers Boards tem tours guiados e aluga equipamentos na 212 South Beach Street, Suite 100. Reservas: (386) 310-4927

Siga @blogterritorios no Instagram

Siga no Instagram       Leia todos os artigos sobre o país

Quer ficar conectado como eu fiquei? Leve o chip de dados desde o Brasil

Precisa de seguro? Saiba como comprar online.

Onde fazer happy hour ou comer em Daytona Beach

Off the Hook

Frutos do mar frescos com oportunidades de ver de perto golfinhos e peixes-boi enquanto desfruta de uma refeição ao ar livre. A entrada do restaurante é curiosa pela quantidade de conchas de ostras no piso em frente a entrada. Claro que a vontade imediatamente é provar ostras. Recomendo as gratinadas.

Onde: na 133 Inlet Harbor Road, fica aberto diariamente das 11h às 22h. Reservas: (386) 202-4490

Cervejaria Rock Bottom

Cervejaria Rock Bottom
Prato farto na Cervejaria Rock Bottom

Para refeições rápidas, fartas e baratas ou beber cerveja. Almocei tacos com guacamole no dia da visita à Daytona International Speedway. O restaurante fica no complexo em frente chamado One Daytona.

Onde: na 1860, Victory Circle. Funciona das 11h às 24h. Reservas: (386) 516-8322

Dancing Avocado Kitchen

Lembra aqueles programas de TV sobre acumuladores pela quantidade de objetos espalhados por todos os cantos. Exibe ítens curiosos e divertidos desde a fachada até o toalete nos fundos. O atendimento feito pelo proprietário é amigável, mas ele nos contou que seus dias estavam contados porque acabara de vender o estabelecimento. Portanto, algumas coisas podem estar diferentes em uma próxima visita.

Onde: na 110 South Beach Street. Aberto para café da manhã e almoço entre 8h e 16h.

Racing’s North Turn 

Um dos pontos turísticos nostálgicos e animados de Daytona Beach é um restaurante temático na beira da praia. Racing’s North Turn resgata o auge das corridas de carro com jogos (como autorama gigante) e um pequeno museu. Ainda tem música ao vivo, do country ao rock, e mesas ao ar livre. Quanto a comida, não cheguei a provar para poder recomendar.

Onde: na 4511 South Atlantic Avenue exatamente onde a história das corridas começou na década de 1930. Informações e reservas: (386) 322-3258

Wave Terrace 

É o bar restaurante do Hard Rock Hotel Daytona Beach. Com vista para o mar e boas bandas tocando o melhor do rock and roll em alto e bom som. Eu escutava e dançava na varanda do meu quarto no sétimo andar. 

Onde: na 918 N. Atlantic Avenue. Aberto ao público de quarta a sábado das 16h às 22h.

Kona Tiki Bar and Grind GastroPub 

Música ao vivo em astral havaiano jovem e muito descontraído. Passei rapidamente antes do jantar ao lado (a seguir) e deu com vontade de ficar mais tempo.

Onde: em Downtown Ormond Beach aberto das 11h30 às 24h. Reservas: (386) 672-7277

31 Supper Club
31 Supper Club fica logo após a ponte

Uma experiência interessante com pratos deliciosos. Inclusive, foi onde comi melhor em Daytona Beach. A primeira impressão é um ambiente legal em um boulevard com outros bares e restaurantes. No entanto, entrar na área principal é chocante no momento inicial, depois é divertido e prazeroso. O cenário foi assim: a hostess na entrada é uma idosa produzida e simpática; um cantor trajando smoking branco e gravata borboleta canta Frank Sinatra ao lado do piano e na frente de uma cortina vermelha; a idade mínima de qualquer pessoa presente é 60 anos ou mais; o ambiente é meia luz e todas as cadeiras tem estampa de zebra. 

O contraste cultural foi grande ao sair do bar mencionado acima e entrar neste. Então o garçom me indicou a mesa, foi extremamente atencioso e a música foi me deixando à vontade. As pessoas ao redor estavam se divertindo sem dar a mínima para a minha presença, a decoração vintage mostrava detalhes incríveis em todos os cantos e a massa com queijos e trufa negra completou a experiência de jantar nos anos 1940.

Onde: na 31 W Granada Boulevard. Funciona de segunda à sábado das 16h30 às 24h. Reservas: (386) 275-1625

31 Supper Club
31 Supper Club

Tome Nota Daytona Beach

Como chegar: devido a curta distância de Orlando, a maioria dos brasileiros faz um bate e volta. São cerca de 90 km pela I-4 E. De lá pode alugar um carro ou usar transporte intermunicipal. Daytona tem aeroporto internacional, mas não voos direto do Brasil.

Onde ficar em Daytona Beach: Hard Rock Café Daytona tem um astral maravilhoso com música e arte por todos os lados. Além da vista para o mar, são várias áreas prontas para fazer pose, fotografar e postar nas redes sociais. A suíte é confortável e linda em cada detalhe. Tem três opções de restaurantes, spa, zona temática para crianças e apartamentos VIP’s. E pra completar, os funcionários estão sempre sorrindo, dançando e prontos para atender.

CONSULTE MAIS OPÇÕES NA CIDADE 

Minha suíte descolada no Hard Rock Café
Minha suíte descolada no Hard Rock Café

©Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

A hospedagem e os atrativos foram um oferecimento das empresas locais e Discovery Daytona Beach para o #JustFunFlorida. Projeto dos sites Não Pira, Desopila e Territórios em parceria com o Visit Florida.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 12 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.