Carnaval em Paraty

Carnaval em Paraty


Geralmente eu fujo do agito nos feriados, prefiro lugares tranquilos para descansar e ficar mais perto da natureza. Entretanto, ano passado arrisquei e fui ver como era passar o carnaval em Paraty. Me preparei para a muvuca e me surpreendi por poder escolher entre a calmaria e o agito.

O Carnaval em Paraty

É uma festa de rua como acontecia antigamente, muitas famílias e grupos de amigos animados, alguns fantasiados, brincando pelas ruas sem preocupações com segurança. O agito começa de tarde e segue noite adentro. A cidade fica toda enfeitada, tem bandinha, bonecos gigantes, Rei Momo e vários blocos de carnaval passando pela Avenida Roberto Silveira e Centro Histórico.

O visual da praia de Jabaquara no sábado de carnaval
O visual da praia de Jabaquara no sábado de carnaval

O mais famoso e original é o Bloco da Lama na praia de Jabaquara. Esse tem atraído um pessoal muito divertido há quase 20 anos. Os foliões mergulham no mangue, ficam irreconhecíveis e, no final da tarde, partem para o Centro Histórico com o objetivo de espantar os maus espíritos e trazer alegria ao carnaval. Alguns se enrolam em cipós ou trapos, levam caveiras ou fantasias coloridas e saem gritando “uga, uga…”

Fantasiados e lameados
Fantasiados e lameados
Homem das cavernas é a fantasia mais comum
Homem das cavernas é a fantasia mais comum

A praia fica lotada no sábado de carnaval, as pessoas entram e saem da lama, bebem e dançam no show ao vivo. Eu consegui ficar limpa apenas por estar com a câmera e um amigo me protegendo. Quem vai até lá é para se sujar mesmo, tem alguns espertinhos complicando e querendo jogar todo mundo no mangue. É preciso fazer uma escolha: entrar no clima e se divertir ou registrar tudo e ficar sempre alerta.

Nem os animais escapam
Nem os animais escapam
Só a cerveja se salva
Só a cerveja se salva

 

 

Passei todos os dias como expectadora, tirando fotos e observando. Via o movimento dos blocos de dentro dos restaurantes, pelas janelas, enquanto os mais empolgadas iam pra rua e depois voltavam. Caminhava pelas ruas tranquilas do Centro Histórico até ouvir a música de carnaval se aproximando, era um bloco vindo, para continuar no mesmo ritmo bastava ir na direção contrária. E por isso gostei muito do carnaval aqui, existe a escolha de participar ou não. Fora as diversas opções de trilhas, cachoeiras e praias afastadas para se desligar de tudo.

Balada na praia
Balada na praia
Mergulham com tudo no mar de lama
Mergulham com tudo no mar de lama

Veja mais fotos do Bloco da Lama:

Bloco da Lama Bloco da Lama Bloco da Lama Bloco da Lama

 

Tome nota Carnaval em Paraty

Pegue a programação dos blocos de carnaval no POSTO DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS na Av. Roberto Silveira.

O BLOCO DA LAMA acontece no sábado de carnaval no início da tarde. Se ficar enlameado da cabeça aos pés, cuidado para não sair sujando tudo pelo caminho. A intenção é se divertir, não se incomodar com o carro ou paredes manchados de lama.

Se hospedar no Centro Histórico é para entrar no clima de carnaval, é impossível dormir de noite. Optei ficar afastada e foi ótimo, mas só para os que gostam de caminhar. É estressante encontrar lugar para estacionar em dias de evento. Para encontrar ofertas de hospedagem em Paraty, pesquise no DETECTA HOTEL e já faça a sua reserva ali mesmo.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 13 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.