fbpx
Trilhas em São Paulo

Trilhas no Horto Florestal de Campos do Jordão


A famosa Campos do Jordão, 167 km de São Paulo, também reserva opções para trilheiros no Horto Florestal. À primeira vista nada parece ser muito aventureiro e sim um lugar badalado como é a cidade nos meses de inverno. Mulheres produzidas usando salto alto, crianças correndo e estacionamentos lotados… Passando as primeiras áreas e seguindo as indicações das trilhas longas, o parque começa a exibir belezas naturais, silêncio e ar puro.

Bromélia
Bromélia

Em um sábado ensolarado de julho parti com o grupo Nação Trilheira para completar mais duas trilhas do passaporte das Trilhas de São Paulo. Ao nosso redor paisagens típicas da serra com araucárias, hortências, bromélias e caminhos repletos de pinhões caídos das árvores. Dias frios com sol são os melhores para as caminhadas.

Trilhas no Horto Florestal

Fiz três das sete trilhas do parque, as de nível fácil à moderado:

Trilha das Cinco Pontes

É logo na entrada e perfeita para o aquecimento. São mil metros pelas margens de um riacho e cruzando pontes pênseis.

Sinalização
Sinalização

Trilha da Cachoeira (4,5 km)

A trilha leva para a Cachoeira do Galharda, contudo não conseguimos terminar o percurso, pois nos deparamos com um incêndio que tomou grandes proporções. Um cheiro de queimado nos acompanhava até que enxergamos labaredas tomando conta de uma grande árvore e atrás uma vasta área queimando muito rápido. Logo avisamos os guardas e todos os funcionários do parque se movimentaram para apagar o fogo, tanto que na hora de carimbar o passaporte não encontrávamos o responsável. Não conseguimos conhecer a parte mais bonita do percurso.

Nação Trilheira
Nação Trilheira
Trilha do Sapucaí
Trilha do Sapucaí
Quase batendo na araucária
Quase batendo na araucária

Trilha do Rio Sapucaí

A que eu mais gostei foi a TRILHA DO RIO SAPUCAÍ (2,6 km). Uma subida em mata fechada e logo a paisagem se transforma em milhares de araucárias e cerros da Serra da Mantiqueira, todos vistos de cima. O trajeto fica aberto até chegar no local da tirolesa de 450 metros. Alguns deslizaram por cima das árvores e eu continuei pela floresta, por vezes avistando as corredeiras do rio Sapucaí Guaçú.

Paisagem da Trilha do Sapucaí no final de tarde
Paisagem da Trilha do Sapucaí no final de tarde

Nesta última conversei com um simpático guia que falou sobre a região e as melhores épocas para conhecer. Segundo ele, no inverno tem maior visibilidade e um lindo pôr-do-sol. Na primavera tudo fica mais colorido com flores que só existem na região como a micro orquídea, além das hortênsias. Ele também alertou sobre as queimadas, comuns no inverno, explicou que o motivo é o lixo deixado pelos visitantes. Principalmente garrafas de vidro ou plástico e latinhas. O sol bate forte nelas e surge um foco de incêndio como o que presenciamos.

Olha aí gente! Tudo o que levamos para natureza devemos trazer de volta, pelo menos até a próxima lixeira. Podemos evitar estragos assim.

Arvorismo para todas as idades
Arvorismo para todas as idades

 

Adrenalina na tirolesa
Adrenalina na tirolesa

 

Famílias no parquinho do Horto Florestal
Famílias no parquinho do Horto Florestal

Tome Nota Horto Florestal

O Parque Estadual de Campos do Jordão ou HORTO FLORESTAL localiza-se a 13 quilômetros da Vila Capivari, na Av. Pedro Paulo, s/n, no Bairro Horto Florestal. Não foi fácil encontrar o caminho, a partir de Campos do Jordão, por falta de sinalização, mas os moradores passaram informações corretamente.

A entrada custavaR$ 6 por pessoa e o estacionamento para carro mais R$ 6. Verifique valores atuais. Abre diariamente das 9:00 às 16:00 horas. Fechado quartas (exceto feriados e nos meses de junho, julho e janeiro).

São mais de 8 mil hectares de natureza preservada oferecendo serviços e áreas de lazer como churrasqueiras, lanchonete, atelier ambiental, exposições, viveiro de plantas, trenzinho, pracinha, artesanato, aluguel de bicicletas, diversas trilhas monitoradas e esportes de aventura. Rappel, mountain bike, duas tirolesas e arvorismo são as opções mais radicais.

Quem cuida dos esportes e aluguel de equipamentos é a ZOOM AVENTURA. Uma curiosidade é que o arvorismo começou no Brasil em 2000 justamente em Campos do Jordão e Brotas.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 13 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.