guest house na áfrica do Sul

Hotel, hostel, lodge e guest house

Apresento algumas indicações de hospedagem na África do Sul, mas antes quero explicar como o conceito de hostel, pousada e resort se mistura no país pós apartheid. Nos últimos anos, hotéis sofisticados (antes só para brancos) tiveram que se adaptar para não fechar as portas e viram oportunidades em atender a crescente demanda de turismo jovem. Alguns mantêm os mesmos serviços e acomodações e também acrescentaram áreas para quem prefere compartilhar ou pagar menos. O resultado são verdadeiros complexos hoteleiros com todo o tipo de gente convivendo numa boa, entre eles famílias com crianças, idosos, esportistas e mochileiros.

Então constatei que África do Sul é o país onde mais experimentei diferentes camas durante uma mesma viagem. Ao total foram quatorze em trinta dias e ainda teve outras quatro hospedagens visitadas. Inicialmente viajamos em quatro amigos e depois continuamos em dez. Dormi de uma a sete noites em quartos compartilhados, suítes, cabanas e até casa na árvore. Alguns aproveitei bastante, outros chegava muito cansada e nem lembrava de tirar fotos antes de continuar a viagem, mas em todos tive o que todo o viajante precisa: banho quente, limpeza e uma boa noite de sono.

Com essa diversificada experiência, acredito ser útil concentrar o resumo de cada um deles no mesmo artigo e indicar os conteúdos relacionados. Portanto, estão separados abaixo por cidade com link para pesquisar preços e fazer reservas online. O tamanho dos parágrafos é proporcional ao tempo dentro da hospedagem e não ao gostar mais ou menos. E se já ficou em algum deles, ou tem outra dicas, deixe sua opinião nos comentários para ajudar outros viajantes com mais resenhas verdadeiras.

 

Hotel, hostel, guest house … na África do Sul

 

Cape Town

A cidade mais linda do país, dispensa apresentações, vamos aos hostels:

Vista no café da manhã no Ashanti Lodge
Vista no café da manhã no Ashanti Lodge

ASHANTI LODGE AND TRAVEL CENTRE

Foi onde passei mais tempo e pude descansar nos últimos dias da viagem. Me diverti na festa de Halloween e nos bares próximos, aproveitei a piscina e os cafés da manhã com vista para a Table Mountain. O buffet é variado e o bar funciona até tarde servindo lanches e bebidas. A recepção mais parece uma agência de viagens por causa das diversas opções de lazer e os atendentes sempre simpáticos para ajudar nas reservas e dicas.

Atração feita com a ajuda deles: mergulho com lobos marinhos.

Meu quarto foi o feminino para seis pessoas com pia, janelas pra rua, armários comunitários e individuais em baixo da cama. O colchão é confortável com luz ao lado de cada espaço. Usei banheiro comum e gostei das cabines individuais com espaço para se vestir. Tem decoração atual agradável, ambientes ao ar livre e ótima localização para circular pela cidade.

Mesa do café da manhã
Mesa do café da manhã
Festa de Halloween no Ashanti Lodge
Festa de Halloween no Ashanti Lodge

 

 

 

 

 

 

 

Não gostei: o barulho em algumas noites e era pior nos quartos perto do bar.

Endereço: 11 Hof St. Gardens. RESERVE AQUI.

Quarto de casal no Once in Cape Town
Quarto de casal no Once in Cape Town

ONCE IN CAPE TOWN

Pode ser hotel ou hostel conforme a habitação. É um prédio todo novinho é frequentado por modelos e galera descolada. O motivo deve ser a decoração moderna, ótima localização e o badalado restaurante aberto ao público no primeiro andar. Não me hospedei, mas fui algumas vezes pra conhecer e comer pizzas, são deliciosas e personalizadas.

Endereço: 73 Kloff St. Gardens. RESERVE AQUI.
Painel de atividades sugeridas no Once in Cape Town
Painel de atividades sugeridas
Entrada dos quartosno Once in Cape Town
Entrada dos quartos no Once in Cape Town

 

 

 

 

 

 

 

Soweto

A famosa favela onde a resistência ao apartheid foi mais forte e sangrenta. Hoje é fortalecida e recebe turistas com segurança e de braços abertos.

Área comum no Lebo's
Área comum no Lebo’s

LEBO’S SOWETO BACKPACKERS

O hostel é simples e caloroso com áreas internas ao ar livre e quartos compartilhados. Aproveitei o papo com estrangeiros na fogueira de noite e fiz o tour de bicicleta (que parte dali) na manhã seguinte. Ficamos em três amigos em um quarto para seis porque haviam poucos hóspedes e o café da manhã foi básico.

Hostel organiza passeios de bike pelo Soweto
Hostel organiza passeios de bike pelo Soweto
Não gostei: se chovesse seria bem ruim sair do quarto porque a porta é pra rua e não tem cobertura até chegar a casa principal, local do banheiro comunitário. E a internet não funcionou.

Endereço:10823A Poo St. RESERVE AQUI.

 

Johanesburgo

A maior cidade e porta de entrada aérea do país é muito mais interessante do que parece com atrativos descolados como qualquer metrópole. Comece descobrindo o bairro Maboneng.

Hidromassagem na porta do meu quarto no Curiocity
Hidromassagem na porta do meu quarto no Curiocity

CURIOCITY BACKPACKERS

Nossa primeira hospedagem na África do Sul foi uma noite em antiga gráfica transformada em hostel no bairro mais interessante de Johanesburgo – Maboneng. O local era foco de resistência ao Apartheid e frequentado por Mandela, hoje preserva a memoria na decoração e no astral dos viajantes. Ficamos os quatro amigos em um quarto só pra nós na frente de uma hidromassagem comunitária que não deu tempo de aproveitar. Os banheiros comuns ficam próximos com ótimo chuveiro, a cozinha é ampla e bem equipada, tem um bar na recepção e um buffet aberto ao público o dia todo na lateral. O café da manhã não estava incluso, mas existem muitas opções legais nas redondezas.

O nosso quarto no Curiocity
O nosso quarto no Curiocity
Beliches com material diferenciado
Beliches com material diferenciado

Mesmo sendo na maior cidade do país, existe o hábito de fazer fogueiras todas as noites para o pessoal confraternizar ao redor, o que achei muito agradável porque as temperaturas sempre caem a noite.

Não gostei: wifi ser pago.

Endereço: 302 Fox St. Maboneng. RESERVE AQUI.

No mapa de Maboneng, 12 Decades é no número 2 e Curiocity o 11
No mapa de Maboneng, 12 Decades é no número 2 e Curiocity o 11

12 DECADES ART HOTEL

Localizado no sétimo andar de um centro cultural do mesmo bairro Maboneng, tem doze quartos temáticos que contam a história das últimas doze décadas do país. Cada um decorado por um designer diferente. Como estavam ocupados não pude visitar, mas as fotos pela internet dão vontade se passar uma noite por ali.

Endereço: 286 Fox St. Maboneng. RESERVE AQUI.
O pôr do sol no Protea Hotel
O pôr do sol no Protea Hotel

PROTEA HOTEL PARKTONIAN ALL SUITE

Hotel localizado no centro de Johanesburgo com uma vista sensacional para ver o pôr do sol tomando vinho sul africano. No terraço tem restaurante delicioso e nada caro para a vista que oferece. Não me hospedei, nem conheci os quartos, mas amigos já experimentaram a rede Protea e recomendam por ser padrão executivo igual em todas as unidades. Fui como turista para curtir o happy hour e gostei do que vi.

Endereço: 120 De Korte St. Braamfontein. RESERVE AQUI.
A vista do terraço a noite
A vista do terraço a noite

 

Pretoria

Sobre a capital da África do Sul, preciso de uma nova viagem para trazer mais informações além da hospedagem. Afinal, cheguei a noite e parti horas depois.

O único registro no hostel foi nosso planejamento para o resto da viagem no lounge
O único registro no hostel foi nosso planejamento para o resto da viagem no lounge

PRETORIA BACKPACKERS

O albergue, da Hosteling International, é uma casa grandona com cabanas no pátio e pelo tarde da noite, apenas conheci a recepção, local onde dormi e área de refeições compartilhada. Ficamos cinco amigos em uma cabana com sala grande, cozinha e dois quartos que parecia mais casa de aluguel por temporada. Um funcionário foi gentil em preparar um café da manhã básico antes da nossa partida (de madrugada) e isto é tudo o que posso relatar.

Endereço: 433 Farenden St. RESERVE AQUI.

 

Hoedspruit

Região pra fazer safari próxima ao Kruger Park.

Cabana e piscina no Thorhill Safari Lodge
Cabana e piscina no Thorhill Safari Lodge

THORNHILL SAFARI LODGE

São cabanas aconchegantes ao redor da casa principal e piscina dentro de uma reserva privada. Oferece opções de safari na propriedade ou parques próximos e tem cercas para evitar animais predadores. Os atendentes são prestativos e as refeições estão inclusas na diária, exceto bebidas alcoólicas.

Como estava lotado, nós quatro ficamos na área mais afastada no estilo guest house, onde moram os funcionários. A casa foi igualmente confortável, com vista bem melhor do que as cabanas e proporcionou caminhadas diárias pela savana. Como o tempo por lá é muito seco, as garrafinhas de água disponíveis diariamente ao lado da cama foram providenciais.

Sala na casa principal
Sala na casa principal
O meu quarto Thorhill Safari Lodge
O meu quarto Thorhill Safari Lodge

 

 

 

 

 

 

 

Não gostei: internet só funcionar perto da casa principal.

Endereço: Portion 144 Guernsey. 81KU. RESERVE AQUI.

Bergville

Ponto de partida para explorar a segunda maior cachoeira do mundo e fronteira com pequeno país Lesotho.

O bar e a jacuzzi ao fundo no Amphitheater
O bar e a jacuzzi ao fundo no Amphitheater

AMPHITHEATRE BACKPACKERS LODGE

Um lodge beira de estrada rodeado pela cadeia de montanhas Drakensberg. Tem cabanas, suítes com cozinha, camping, sauna, parede de escalada, piscina, jacuzzi, restaurante, churrasqueiras, diversas opções de passeios de um dia e os mais variados tipos de hóspedes. Mesmo sendo uma área enorme com grande número de camas, costuma lotar e, conforme a época, a reserva deve ser feita meses antes. No final do ano, por exemplo, o local se transforma em festival de música alternativo atraindo gente de todos os cantos.

Situado entre o Parque Nacional Royal Natal, Cathedral Peak e perto das Montanhas Amphitheatre, foi o cenário que eu mais gostei de me hospedar. Pegamos uma cabana compartilhada com vista privilegiada para o pôr do sol que teve um desconforto, mas valeu por todo o conjunto oferecido pelo lugar.

A vista e o camping
A vista e o camping
Não gostei: wifi ser pago e o tamanho do quarto para o número de pessoas. Eram três beliches apertados no andar de baixo e uma cama de casal na parte de cima, éramos sete e um banheiro com péssima ventilação pra dividir com estranhos. Com certeza existem quartos melhores.

Endereço: R74. RESERVE AQUI.

 

Durban

Uma das cidades mais importantes e desenvolvidas do país é procurada pelas praias, noite agitada e o único swing dentro de um estádio de futebol.

Vista do nosso quarto em Durban
Vista do nosso quarto em Durban

ON THE BEACH

Pousada simples e confortável na beira da praia com varanda para o oceano Índico. É uma casa de praia adaptada com quartos e banheiros amplos. Nos receberam com chá da tarde e biscoitos e o café da manhã foi bom e variado. A localização é boa para desfrutar a praia e ter uma noite de sono silenciosa, mas é preciso gastar com transporte para curtir a noite e os melhores restaurantes.

Endereço: 17 The Promenada, Glenashley, Durban North. RESERVE AQUI.

 

Umzumbe

Um lugarzinho pacato para observar animais marinhos no oceano Índico de um lado e aproveitar as atividades radicais da reserva Oribi George do outro.

Studio de yoga no Mantis and Moon
Studio de yoga no Mantis and Moon

MANTIS & MOON BACKPACKERS

A hospedagem onde me senti mais a vontade foi em uma casa na árvore em meio a muita natureza e aulas de yoga. Apesar de estar a poucos metros da praia e ser uma rua de cidade no portão de entrada, a sensação era de estar na floresta.

Casa na árvore em Umzumbe
Casa na árvore em Umzumbe
Beliche dentro da nossa casa
Beliche dentro da nossa casa

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A cabana onde passamos duas noites tem dois beliches e varanda no andar superior e o banheiro fica no primeiro piso. Tem que fazer trilha pra chegar depois de passar pelos outros quartos, bar, lojinha, piscina e churrasqueiras. Continuando no caminho tem o estúdio de yoga todo envidraçado e perfeito pra desopilar.

Endereço: 178 Station Rd. RESERVE AQUI.

 

Coffee Bay

Praia de surfista isolada e precária infraestrutura que merece a visita pela cultura e paisagem como relato em A costa selvagem da África do Sul.

A nossa cabana
A nossa cabana no Coffee Shack

COFFEE SHACK BACKPACKERS

Hostel simples com quartos coletivos, cozinha e banheiros comunitários na área principal e opção das cabanas com banheiro e cozinha do outro lado do rio. Todos com preços bem acessíveis. Ficamos em quatro na casa maior, chamada King’s House, com a melhor vista da praia. Oferecem refeições boas e fartas e uma série de atividades esportivas e vivencias junto a comunidade Xhosa.

Não gostei: Internet só funcionava perto da recepção e era bem ruim.

Endereço: 5080. RESERVE AQUI.

 

Cintsa

Linda praia de surfista que foi reduto de brancos na época do apartheid. Tem boa infraestrutura para o turismo e foi onde conheci Abby, no safari em quadriciclo.

Vista da varanda da nossa cabana
Vista da varanda da nossa cabana

BUCCANEERS LODGE AND BACKPACKERS

Três dias me sentindo como se estivesse nas praias de Santa Catarina (Brasil) com vista para as montanhas, rio e mar. Frequentado por casais de todas as idades, famílias e mochileiros, é o tipo de hotel pra escolher entre se isolar e usar os serviços do resort ou utilizar as áreas compartilhadas com a galera. Oferecem tantas atividades legais que é difícil escolher, mas é preciso reservar antes porque lota.

O restaurante
O restaurante

São diversas cabanas em extensa propriedade na beira do rio com quadras de esportes, piscina, churrasqueiras, bar animado e restaurante. Ficamos em sete amigos na cabana com dois quartos e um banheiro perto das áreas compartilhadas e adoramos a animação do bar. E o visual do café da manhã faz tudo ficar mais gostoso.

Não gostei: quem não gosta do barulho deve ficar mais afastado do bar.

Endereço: PO Box 13092, Vincent. RESERVE AQUI.

 

Jeffrey’s Bay

O dia na mais famosa das praias de surfistas sul africanas conto no artigo Compras e surf.

Vista da varanda do nosso quarto em Jeffreys Bay
Vista da varanda do nosso quarto em Jeffreys Bay

ISLAND VIBE SURF CAMP

Cabanas e prédios pé na areia com quartos compartilhados, suítes e área de camping onde a principal atração são as aulas de surf ou a praia. O meu quarto foi uma suíte com varanda compartilhada e vista para o mar que dividi com minha amiga. Os quartos do primeiro andar tem paredes de vidro com cortina para o pessoal ficar de olho nas condições do mar.

Tem um bar movimentado a noite, mesmo local onde é servido o café da manhã a la carte, e fica localizado a poucos minutos a pé da principal avenida onde encontram-se os outlets.

Endereço: 10 Dageraad St. RESERVE AQUI.
Vista do nosso quarto em Jeffreys Bay
Vista do nosso quarto
Área de camping na beira da praia Jeffreys Bay
Área de camping na beira da praia Jeffreys Bay

 

Storms River

Destino para quem vai se arriscar no maior bungee jump de ponte do mundo e próximo ao lindo Parque Nacional Tsitsikamma.

Área de convivência na volta da fogueira
Área de convivência na volta da fogueira

TUBE ‘N AXE BACKPACKERS LODGE

Foram duas noites em meio a muito verde e variadas opções de lazer na natureza. Tem quartos privativos e coletivos, cabanas, camping, boas refeições e vinho bom baratíssimo. O astral é ótimo e todos terminam a noite na beira da fogueira ouvindo boa música.

Ficamos no quarto para dez pessoas com dois banheiros na acomodação e fizemos amizades com todos os colegas de quarto. Tem armário e luz individual, mas todos os outros quartos eram melhores que este.

Não gostei:  pouca luz do dormitório.

Endereço: Saffron and Darnell St. RESERVE AQUI.

 

Sedgefield

Uma das cidades na famosa Garden Route que dizem ser bem badalada no verão.

Suíte de casal no Afrovibe
Suíte de casal no Afrovibe

AFROVIBE ADVENTURE LODGE

Pousada com quartos bonitos e econômicos com vista para o mar. Passei para uma visita na parada para o almoço quando desfrutamos de um coquetel na beira mar. No primeiro piso tem uma ótima pizzaria, cafeteria e loja. Pelo menos o pouco que eu vi, já deu vontade de voltar.

Endereço: 2 Claude Urban Drive. RESERVE AQUI.
Vista da varanda para a praia
Vista da varanda para a praia
Coquetel do Afrovibe na beira da praia
Coquetel do Afrovibe na beira da praia

 

 

 

 

 

 

 

Oudtshoorn

A capital mundial das avestruzes lembra a arquitetura inglesa e foi o lugar mais sem graça da viagem. Mas se estiver no seu roteiro segue a dica de hospedagem.

Jardim do Paradise Backpackers
Jardim do Paradise Backpackers

BACKPACKERS PARADISE

Mais uma pousada, hostel e camping compartilhando o mesmo empreendimento para agradar vários públicos. Os quartos são amplos, simples e confortáveis com uma decoração tradicional e interiorana. O jantar e café da manhã estavam ótimos, mas não suficientes. O surpreendente foi ver o bar depois do jantar, quando surgiu um monte de gente animada e todos eram hóspedes, mas estavam quietos durante o dia.

Área de camping e quartos compartilhados
Área de camping e quartos compartilhados
Não gostei: pouca variedade e fartura nas refeições.

Endereço: 148 Baron Van Reede St. RESERVE AQUI.

 

Ruiterbos

A cidade na região de Mossel Bay não conheci, o destino foi uma fazenda criadora de cavalos Percheron que terá um post exclusivo em breve.

Nosso quarto na cabana da guest farm
Nosso quarto na cabana da guest farm

OUTENIQUA MOON PERCHERON STUD AND GUEST FARM

Simplesmente a experiência mais querida, acolhedora e emocionante da viagem, se tratando de hospedagem. Éramos os únicos dez hóspedes recebidos pelos proprietários apaixonados e determinados a preservar a raça Percheron. As refeições são feitas na casa deles e com suas agradáveis presenças à mesa. No chá da tarde na varanda ainda tinha visita de cavalos e os dois cachorros gigantes que eu não cansava de abraçar. As atividades são relaxar ou lidar com os cavalos.

Tem dormitórios dentro da casa principal e um chalé gracinha onde ficamos em dois quartos, sala, cozinha e banheiro. A decoração delicada e elegante deixou tudo perfeito e com vontade de ficar dias por ali.

Endereço: R328. RESERVE AQUI.

 

Outeniqua Moonruiterbos, áfrica do sulruiterbos, áfrica do sulruiterbos, áfrica do sulruiterbos, áfrica do sulruiterbos, áfrica do sulLanche da tarde na varanda

O astral da fazenda

 

  • TOME NOTA

Eu adoro o astral de ficar em hostel, mas confesso eventualmente me incomodar com banheiros coletivos e hóspedes inconvenientes. O que achei bom em todos esses foi sempre ter uma opção mais privativa: suíte, cabana ou dormitório menor com banheiro no quarto. Um casal que viajava conosco fez esta opção. Então, se estiver ruim, pede pra trocar e paga um pouco mais. Já quem viaja em grupo pode evitar constrangimentos pegando um quarto exclusivo.

Nos finais de semana costumava lotar e vi viajantes chegando de última hora sem conseguir uma cama. Mas muitos tem espaço para camping e oferecem barraca nessas situações.

Como chegar: Em Johanesburgo, Durban e Cape Town utilizei táxi e transporte público e deve funcionar da mesma forma em Pretoria e Jeffrey’s Bay. Já os outros destinos são afastados, é preciso ter carro ou contratar serviços como da PANGEA TRAILS. Se for alugar carro, reserve com o nosso parceiro RENTAL CARS.

Para saber tudo o que aprendi neste viagem leia o Dicas aos Viajantes

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais. Fotos de Roberta Martins e Guilherme Tetamanti. Fazendo a reserva de hotéis pelos links fornecidos você colabora com as despesas do site.

Acompanhe todos os posts sobre esta viagem no artigo resumo – 33 dias em 5 minutos.

Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site e fotógrafa. Há 11 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo.

Deixe uma resposta