porcelana chinesa

A capital da porcelana chinesa

Luzes na China
Luzes na China

Esta foi uma viagem a trabalho e visitei diversas indústrias de vasos sanitários. Me levaram para Tangshan, pois ela é conhecida como a capital da porcelana. São milhares de anos que se produz cerâmica por ali, um dos produtos mais famosos chineses. O próprio nome China foi dado pelos ingleses, o qual é sinônimo de porcelana. O nome real do país original em chinês é Zhong Guo que significa país central e não tem nada a ver com porcelana e ninguém sabe disso.

Passei o dia visitando fábricas gigantes e indo de um lado para outro. O momento mais divertido foi ir ao restaurante jantar com os fornecedores. Foi o primeiro MEGA-COMPLEXO DE ALIMENTAÇÃO que presenciei na China. Em uma grande construção que se assemelha aos shopping centers, se come juntamente com mais outros 5.000 chineses divididos em umas 500 mesas redondas distribuídas por diversos andares, salas individuais e grandes salões. É uma coisa muito louca. Assim é a China, tudo é gigante e cheio de gente! E como comem! Conseguem me ganhar no garfo e olha que eu como de tudo e muito!

No saguão do restaurante
No saguão do restaurante
Jantando
Jantando

 

Entrada do restaurante
Entrada do restaurante
Pratos chineses típicos
Pratos chineses típicos

Outra coisa divertida foi sair à noite para passear e comprar algunssouvenirs. Entrei no supermercado onde não me deixaram tirar fotos, depois consegui comprar chá em uma loja especializada (há várias lojas de chá por lá).  A sensação de não conseguir se comunicar de maneira alguma foi estranhíssima, parece que se está em outro planeta. Não dá nem para imaginar sobre que estão falando. Até os gestos são totalmente diferentes, mas deu para levar uns potes de chá a granel. O mais legal deles é um que parece uma flor e abre quando colocado em água quente. Os CHÁS CHINESES normalmente são aromáticos, com gosto forte amargo e perfume delicioso.

Loja de chás e tabaco
Loja de chás e tabaco
Vista de Tangshan
Vista de Tangshan

Tangshan fica a menos de 3 horas de carro de Pequim, dirigindo pelas super highways chinesas em uma reta só. Viagem tranquila, mas a poluição continua intensa mesmo saindo dos arredores dos grandes centros. Não é como São Paulo, que a poluição se dissipa após alguns quilômetros. Lá é por todos os lados e ela se mantém densa. A China tem tanta indústria de tudo e o céu está sempre tão acinzentado que dá a impressão que o país inteiro está contaminado. Mas também pudera, esta região nordeste da China é um dos grandes pólos industriais do planeta.

Dá a impressão de estar vivenciando um Pós-Guerra nuclear. É um visual bonito apesar de trágico. O céu é todo marrom, as árvores secas pelo rigor do inverno, os rios sujos e congelados e há muitas pedras e pedregulhos ao invés de vegetação rasteira pelo solo.

Rio congelado e poluído
Rio congelado e poluído
Café da manhã
Café da manhã

O frio estava de matar. Em Tangshan, a sensação era de uns 20ºC negativos no dia seguinte pela manhã. Tentei dar uma caminhada fora do hotel, mas foi impossível ficar muito tempo. O café da manhã era um barato, com todas aquelas curiosidades da culinária chinesa que só se acha por lá e eu experimentei tudo.

Me hospedei em um hotel bem chique onde recebi uma MASSAGEM CHINESA com uma luva-esponja-lixa bem legal que retira todas as células mortas da pele e aproveitei uma sauna e piscina muito boas. Ótimo para aliviar o frio insuportável e do dia cansativo.Estes meus primeiros dias na China me senti como um explorador num outro planeta, ainda mais viajando pelo interior e convivendo apenas com chineses, há quilômetros de distância das regiões turísticas. Um barato!

Caminhão de porcos
Caminhão de porcos
Parada de ônibus
Parada de ônibus
Saída de uma das fábricas
Saída de uma das fábricas
© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.
Augustin Tomas o'Brien Caceres

Augustin Tomas o'Brien Caceres

Criado em uma família onde se falava espanhol, português, portunhol, italiolo e algo de inglês. Sempre se interessou por outros idiomas e hoje mora nos Estados Unidos e trabalha com comércio internacional na LE Group Industries.

3 comments

  1. Gostaria que mostrassem mais peças de porcelana

  2. nao lembro exatamente, mas acho que era a recepcionista do restaurante, que tambem faz papel de seguranca se for preciso.

  3. aquele chinês de uniforme vermelho que está ao seu lado na foto é algum guarda?

Deixe uma resposta